O Imprevisto
Foto: Pedro Cattony
A região das dunas só pôde ser fotografada num dia de céu nublado, uma vez que o local ficou interditado por dois dias para gravações do capítulo final da novela Araguaia

O Imprevisto:
TV Globo interdita região para gravação de novela

Segunda, 18 Abril 2011 Eduardo Bernardino Pedro Cattony | Do Caravana

Em meio às belezas naturais da região, um inconveniente: a Rede Globo de Televisão. A poderosa emissora interditou a região das dunas para a gravação do último capítulo da novela Araguaia.

Isso custou à reportagem do Caravana a chance de fotografar a região num dia ensolarado, tendo que fazê-lo num outro dia, com o tempo nublado.

A caminho das dunas, a reportagem foi surpreendida com a informação de que não seria possível se aproximar do local pelo fato da emissora ter reservado o local por dois dias. Sem explicação convincente, os policiais não aceitaram as ponderações de que o portal estava ali apenas para garantir imagens do local para uma matéria especial sobre as belezas da região.

O que chamou a atenção da reportagem foi o fato de haver muitos carros de polícia, policiais, carros de resgate, bombeiros e gente ligada à Fundação Natureza do Tocantins (Naturatins), além da secretaria de turismo, envolvidas na gravação de uma novela.

Por outro lado, reclamações aconteceram por parte dos moradores locais, lamentando a falta de policiamento e outros serviços no dia a dia das cidades vizinhas à região.

E as proibições seguiram, ou melhor, os imprevistos continuaram. Ao visitarmos a Cachoeira da Velha, tivemos de mudar a ordem da nossa visita (fomos primeiro à Prainha da Cachoeira da Velha), já que, ao chegar ao local da cachoeira, lá estava a Rede Globo e todo seu aparato policial para garantir que as tomadas aéreas fossem feitas sem contratempos.

A surpresa mais uma vez aconteceu ao avistar o helicóptero da segurança pública de Tocantins sendo usado para a filmagem das tomadas aéreas da novela.

De se lamentar o fato da operadora que acompanhava o Caravana na região não ter sido alertada sobre as gravações, o que poderia ter causado prejuízos à agência, aos visitantes e a todos àqueles que geram renda e empregos no estado do Tocantins por meio do turismo de aventura.

Compartilhe

Comentários

Comente

Comente como convidado.

Cancelar Enviando comentário...
x