Empresas terão de contratar coleta privada
Cerca de 12 mil toneladas de lixo são recolhidos diariamente em São Paulo
Compartilhe

Empresas terão de contratar coleta privada

Quinta, 20 Janeiro 2011 13:14
Caravana da Aventura | Das agências

Prefeitura promete cassar a licença do estabelecimento que não cumprir a lei

A Prefeitura de São Paulo fecha o cerco diante das empresas que geram mais de 200 litros de lixo por dia. O objetivo é fazer com que estas empresas contratem coleta privada sob o risco de terem a licença cassada.

A determinação foi aprovada como lei municipal em 2002 e regulamenta em novembro do ano passado.

"Agora, não será mais só multa. Nós vamos poder até suspender em definitivo a licença de funcionamento da empresa”, afirma Dráusio Barreto, secretário municipal de Serviços. Desde 2002, quando a lei foi aprovada, a cassação da licença nunca foi aplicada. “É uma nova ferramenta que a cidade vai dispor para evitar que as empresas não cumpram a lei.”

De acordo com a prefeitura, das 12 mil toneladas diárias de lixo recolhidas na coleta pública domiciliar, cerca de 10% vêm de empresas.

A medida atende uma reivindicação das empresas contratadas para a coleta do lixo na capital. Segundo elas, o contrato com a Prefeitura exige apenas o recolhimento do lixo domiciliar, o que não acontece.

 

Leia também

Comentários

Comente

Comente como convidado.

Cancelar Enviando comentário...
x