Ecoturismo
Foto: Fotolia
Ecoturismo
Foto: Pedro Cattony
O ecoturismo tem de ser uma prática sustentável
Ecoturismo
Foto: Fotolia
O ecoturismo engloba atividades como o cicloturismo
Compartilhe

Ecoturismo Ecoturismo

Caravana da Aventura | Da Redação

O período entre as décadas de 1970 e 1990 foi uma época especial, quando muitas alternativas ambientais foram discutidas no mundo todo. Desde então busca-se aliar o desenvolvimento e a conservação do meio ambiente.

Nesta busca, sobretudo na indústria do turismo, o ecoturismo é o segmento que mais cresce, resultante do aumento das ofertas e demandas por destinos ecoturísticos.

No Brasil, a modalidade é discutida desde 1985, tendo sido em 1987 a primeira iniciativa do governo para ordenar a atividade, a partir da criação da comissão técnica nacional (composta pelo Ibama e pela Embratur, para monitorar o Projeto de Turismo Ecológico).

Em 1994 houve a discussão para formular as "Diretrizes para uma Política Nacional de Ecoturismo".

Já nos dois primeiros anos do século XXI, foram realizadas reuniões com cerca de três mil representantes de várias áreas nos cinco continentes a respeito do ecoturismo no contexto do desenvolvimento sustentável. Destas reuniões saiu a Declaração de Ecoturismo de Quebéc, que estabeleceu as recomendações para a implementação do ecoturismo no planeta.

O Ministério do Turismo definiu o ecoturismo como a modalidade da "atividade turística que utiliza de forma sustentável o patrimônio natural e cultural, incentiva sua conservação e busca a formação de uma consciência ambientalista por meio da interpretação do ambiente, promovendo o bem-estar das populações envolvidas".

Algumas atividades características deste segmento são: observação e contemplação da vida selvagem – fauna e flora – e formações geológicas, realizada durante caminhadas, mergulhos, safáris fotográficos, cicloturismo e outras atividades que não agridam o meio ambiente e respeitem a identidade cultural de populações nativas. Ou seja, o ecoturismo está intimamente ligado ao turismo sustentável.

Atualmente, o ecoturismo no Brasil encontra-se em pleno desenvolvimento e o Ministério do Turismo conta com parceiros para que a atividade possa ser realizada sobre uma base sólida que cumpra os critérios e princípios básicos do desenvolvimento sustentável.

Dicas para praticar o ecoturismo: minimize ao máximo seus impactos; respeito o ambiente e a cultura local; torne seu passeio uma experiência enriquecedora tanto para você quanto para aquele que o recebe, não apenas ambientalmente, mas também social e politicamente.

Comentários

Comente

Comente como convidado.

Cancelar Enviando comentário...
x