Você já ouviu o som da natureza?
Foto: Jones
A natureza apresenta sons que nos remete a muitos lugares
Compartilhe

Você já ouviu o som da natureza?

Segunda, 25 Abril 2011 14:45
Eduardo Bernardino | Do Caravana

Muitas vezes é preciso parar tudo para contemplar o que a natureza nos oferece, de graça, como sons, aromas, texturas, sensações...

 

"Aquela Senhora tem um piano

Que é agradável mas não é o correr dos rios

Nem o murmúrio que as árvores fazem...

Para que é preciso ter um piano?

O melhor é ter ouvidos

E amar a Natureza."

Este texto é do poeta Fernando Pessoa, e toda vez que o leio me vem a mente o quanto esquecemos de parar para ouvir, contemplar e amar a natureza por tudo que ela nos oferece, os sons, os aromas, as texturas, as sensações.

A maior parte de nós vive em um mundo exageradamente civilizado, rotineiro e, por que não dizer, tedioso. É necessário falar alto para nos fazer ouvir nas ruas, aumentar o volume da TV para ouvir a voz do apresentador que o trânsito insiste em abafar, deixar alto o volume do rádio do carro para que o ronco dos motores e as buzinas alheias saiam um pouco de nossas cabeças... E tudo isso faz com que esqueçamos de, quando estamos em meio à natureza, parar e escutar os sons dos animais, do balançar das árvores, da chuva caindo nas folhas, de sentir o ambiente natural.

Quantas vezes em minhas andanças eu não encontro pessoas em trilhas, gritando, rindo escandalosamente, afugentando animais e incomodando as pessoas que estão lá para contemplar algo que não há na vida urbana?

Para praticar o que estou tentando dizer tente fazer o seguinte exercício: vá para uma área que você costuma visitar (trilha, praia isolada, cachoeira, montanha) pensando em tudo que você lembra deste lugar, quais as sensações que te remetem a ele. Chegando lá, sente-se, relaxe, feche os olhos, respire devagar e fique em silêncio absoluto apenas deixando seus sentidos entrarem em ação, sinta os cheiros, os sons, a temperatura, a textura, a umidade… Por pelo menos um ou dois minutos "enxergue" por meio dos outros sentidos.

Segundo o Dr. Jhon J. Medina, autor do bestseller "Brain rules" (lançado em português com o título: Aumente o poder do seu cérebro), a visão atropela nossos outros sentidos, pois ocupa muito espaço de processamento no cérebro.

Portanto, quando nos privamos deste sentido, automaticamente aumentamos a capacidade de percepção dos outros e podemos perceber o ambiente de um modo diferente do habitual. Com algum treino, isso também fará com que você desenvolva os outros sentidos e passe a perceber tudo ao seu redor de outra maneira.

Por fim, abra os olhos e reflita sobre o que sentiu, como é o local, o que você percebeu que nunca tinha notado antes... você vai se surpreender.

Leia também

Comentários

Comente

Comente como convidado.

Cancelar Enviando comentário...
x