Férias de olho no meio ambiente
Foto: E. Marques
Férias combinam com esporte e consciência ecológica
Férias de olho no meio ambiente
Foto: K. Hopkins
Frutas desidratadas são ótima opção para qualquer hora
Férias de olho no meio ambiente
Foto: R. Steven Rainw
Desligar os digitais é uma atitude também ecológica
Férias de olho no meio ambiente
Foto: Le Liz
Antes de viajar, esvazie a geladeira ao máximo
Férias de olho no meio ambiente
Foto: Eduardo Bernardino
Curta o destino, mas não deixe "rastros"
Compartilhe

Férias de olho no meio ambiente

Sexta, 16 Dezembro 2011 13:37
Eduardo Bernardino | Do Caravana

Chegou a hora de viajar e curtir a folga, porém sem perder a consciência ecológica. Confira as importantes dicas do Caravana!

Enfim, férias! Ou, para alguns, pelo menos uma folga de final de ano. Aqui no Caravana da Aventura já falei sobre escolher um destino de forma mais sustentável, dei dicas de como economizar e ser um motorista mais ecologicamente correto, falei das sacolas plásticas etc... Mas o tema sustentabilidade é infinito, e sempre podemos pensar em algo mais para economizar recursos naturais e, claro, poupar o nosso bolso.

Portando resolvi escrever algumas dicas sobre o que podemos fazer no período em que viajamos. Como podemos gastar menos e ainda ajudar o meio ambiente? Veja abaixo e surpreenda-se com a simplicidade de pequenos atos que podem fazer diferença.

Antes de viajar, esvazie a geladeira (ou pelo menos tente). Não é difícil, programe-se e use a criatividade para criar refeições utilizando os produtos perecíveis. O que não conseguir consumir, não jogue fora, ofereça para um vizinho ou doe para alguém que vá fazer bom proveito daquele alimento.

Se ainda sobrarem coisas que duram bastante, diminua ao máximo a temperatura da geladeira. Se conseguir acabar com tudo, tire o equipamento da tomada e tenha uma ótima surpresa na próxima conta de luz.

Aliás, a dica de tirar equipamentos da tomada vale para todos os eletrodomésticos, fogão com visor digital, microondas, televisores, aparelhos de DVD etc.

Para se ter uma ideia, um forno de microondas de tamanho médio usado somente para esquentar comida alguns minutos por dia, consome mais energia para manter o relógio funcionando do que para exercer sua função de aquecer, ou seja, esta dica é válida para o ano todo.

Pequenas ações

Para evitar desperdício de recursos e geração de lixo desnecessário, também é legal cancelar a entrega de jornais no período em que estiver viajando.

No período de férias muita gente diz “vou descansar, não quero mais nem saber de cozinhar nessa semana de folga”, e eu acho muito válido que todos descansem da maneira que seja mais agradável.

Se pretende consumir comidas congeladas, prepare-se para que não precise utilizar o forno de microondas para fazer o descongelamento. Se deixar o alimento descongelando na geladeira, você economiza a energia que seria gasta pelo microondas e um pouco de energia da geladeira que vai se beneficiar da baixa temperatura do congelado.

Caso esteja pensando em comer fora, pense em fugir dos fastfoods. Obviamente não é nada fácil desviar das famosas lanchonetes que se multiplicam a cada esquina e encontrar um local com comida gostosa e saudável nos locais que muitas vezes não conhecemos. A situação piora ainda mais quando deixamos pra procurar um local quando a fome já bateu ou quando temos em nossa companhia crianças ávidas por comida.

Artigo: Torne-se um motorista sustentável

Uma coisa que ajuda muito é sempre levar no carro ou na mochila algumas castanhas, água e frutas desidratadas. Esses alimentos dão uma ótima tapeada na fome e dão um fôlego para rodar um pouco mais atrás de um restaurante melhor. Assim você contribui com sua saúde e com o meio ambiente, afinal os fastfoods produzem comida em massa, ao custo de muita poluição, baixo valor nutricional, embalagens que vão para o lixo e desperdício.

Se usar um freezer para guardar alimentos para as festas, tente mantê-lo com lotação máxima. Os espaços vazios fazem com que o equipamento utilize mais energia para resfriar. Caso a quantidade de alimento seja pequena, utilize caixas de papel para ocupar os espaços livres, assim você também economiza.

Ao retornar, não deixe nada para trás. Um ambiente limpo é direito de todos, lembre-se que muitas pessoas voltarão ao mesmo destino que você para desfrutar das belezas locais.

Caso presencie algum caso de descaso com o meio ambiente, entre em contato com o IBAMA ou com a prefeitura local para fazer uma reclamação formal, pode ser que se várias pessoas tiverem a mesma atitude, algo seja feito para corrigir o problema.

Leia mais: Ser sustentável é fácil. Pratique!

Também não leve nada da natureza. Animais e plantas levados para casa, por mais que pareçam não causar nenhum mal, podem gerar grandes problemas de introdução de  novas doenças em um novo habitat ou menos, pela falta de predadores naturais, dominar e suprimir espécies nativas.

Lembre-se de nunca subestimar os impactos de suas ações, tanto das boas quanto das ruins. Há um provérbio africano que diz: Se muitas pessoas pequenas, em muitos locais pequenos, tomarem pequenas atitudes, elas poderão mudar a face da Terra. Vamos pensar sempre nisso e aproveitar nossas viagens sem deixar nada a ser pago pelas futuras gerações.

Leia também

Comentários

Comente

Comente como convidado.

Cancelar Enviando comentário...
x