O nivel dos oceanos tem crescido de forma preocupante
Foto: Rebol
O nível dos oceanos aumentou em 20 centímetros
Austrália tem grande poder financeiro
Foto: Vtveen
Austrália já sente os reflexos dos problemas climáticos
Compartilhe

Efeito estufa: discussão esquenta!

Quarta, 25 Maio 2011 11:59
Fábio Salgueiro | Do Caravana

"Taxa do carbono" faz com que australianos debatam problemas climáticos, numa atitude que tem de servir de exemplo ao mundo

Há milhares de quilômetros de distância acompanho com uma certa ponta de inveja um caloroso debate entre a opinião pública e o governo australiano. Motivo: a possível criação de um imposto, denominado “taxa do carbono”, que visa colocar a mão no bolso dos vários setores de geração de energia para que os mesmos busquem criar “fontes limpas”. A ação é de combate ao popular e ainda desconhecido pela maioria, o efeito estufa.

Detalhe: o tal imposto giraria em torno de US$ 20 a US$ 30.

A discussão é sadia e necessária. No entanto quero ressaltar aqui a participação da opinião pública. Esse engajamento da sociedade é que se deve elogiar. A mobilização das pessoas neste momento é importante e isso em todos os países do planeta.

A decisão do governo australiano, de optar por um imposto, se deu por conta de um relatório que revela a gravidade das mudanças climáticas. Segundo o documento, chamado de “The Critical Decade” (A Década Crítica), a Austrália já sofre com os impactos sociais, econômicos e ambientais das mudanças climáticas.

O relatório apontou que o número de dias com temperaturas acima do normal dobrou nos últimos 50 anos, aumentando o risco de ondas de calor que provocam danos à saúde pública e facilitam a proliferação de grandes incêndios.

Além também de identificar o aumento no nível dos oceanos de 20 centímetros desde o final do século XI - até 2050, os oceanos devem subir outros 20 centímetros, mais que dobrando o risco de enchentes no mundo, sobretudo nas cidades costeiras que tendem a desaparecer literalmente do mapa.

O problema é alarmante e pedir a atenção da população mundial não é uma atitude sensacionalista. Na Austrália, o assunto parece já ter mobilizado a população que em apenas em 30% de seu total apoia a tal “taxa do carbono”. No entanto a mobilização das pessoas diante do problema é que mais vale em toda essa discussão. Onde se tem discussão, debate, tem também o envolvimento das pessoas com o assunto.

E este envolvimento é que a população da América do Sul e dos demais continentes precisam ter, em torno dos problemas climáticos que tem tirado o sono dos especialistas. É chegada a hora de o efeito estufa e todos os demais problemas climáticos que assolam planeta tragam também insônia à população mundial.

Leia também

Comentários

Comente

Comente como convidado.

Cancelar Enviando comentário...
x